Dois vencedores do Nobel de literatura entram em domínio público
 



Notícias sobre Leitura e Escrita

Dois vencedores do Nobel de literatura entram em domínio público

Metrópoles


As obras de dois vencedores do Nobel de Literatura entram no domínio público neste ano. A liberação para a edição e publicação dos trabalhos sem pagar direitos autorais acontece no ano seguinte em que a morte da pessoa completa 70 anos. Assim, em 2022 o trabalho de pessoas falecidas em 1951 passam ao domínio público.

O primeiro é André Gide, escritor francês nascido em 1869 e que recebeu o Nobel em 1947. Para além da sua obra literária, Gide ficou conhecido pela sua militância em prol dos homossexuais, o que era considerado crime em muitos países na época. Em 1924, por exemplo, ele publicou “Corydon”, ensaio no qual critica a homofobia.

O outro vencedor do Nobel que entra em domínio público neste ano é Sinclair Lewis, primeiro escritor dos Estados Unidos a receber o prêmio, em 1930. A obra de Lewis foi sendo esquecida depois da morte do autor, mas teve uma alta de popularidade após a eleição de Donald Trump.


Clique aqui para mais informações.


Cadastre-se no portal Escrita Criativa para receber dicas de escrita, artigos e informações de concursos

 

 

Comentários:

Envie seu comentário

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação:
Repita os caracteres "111907" no campo.