Os tipos de sujeito
 



Dica de Escrita

Os tipos de sujeito

Marcelo Spalding


Para cada período haverá um único sujeito, que pode ser simples (Ex: Grêmio perde, um único núcleo) ou composto (Ex: Grêmio e Inter empatam, dois núcleos). Não haverá uma parte do sujeito antes do verbo e outra depois do verbo.

Além dos sujeitos simples e composto, há o sujeito inexistente, que ocorre em alguns casos particulares como:

> verbos que indicam fenômeno da natureza: Choveu muito hoje.
> verbo "fazer" no sentido de tempo: Faz vinte dias, faz dois anos, faz cem horas.
> verbo "haver" no sentido de existir: Houve muitos problemas aqui.

Como você pôde perceber, o verbo sem sujeito permanece no singular.

Em alguns casos, o sujeito simples está subentendido no verbo: Fomos na praia. Algumas gramáticas falam em sujeito oculto ou elíptico, mas o fato é que estamos diante de um sujeito simples (nós). Entretanto, quando o sujeito oculto apontar para um "eles", ou seja, o verbo estiver na terceira pessoa do plural e o sujeito não estiver expresso no texto ou no contexto, temos o sujeito indeterminado.

Assim, quando se diz que "Mataram o João", pode ter sido mais de uma pessoa, como sugere a concordância verbal, mas pode ter sido apenas uma pessoa. Pode, aliás, ser o próprio autor da frase quem matou e não quer, naturalmente, se acusar.


Cadastre-se no portal Escrita Criativa para receber dicas de escrita, artigos e informações de concursos

 

 

Comentários:

Envie seu comentário

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação:
Repita os caracteres "543305" no campo.