Notícias sobre Leitura e Escrita

O dilema das megalivrarias

Folha de S. Paulo


Ao longo de vinte anos, as redes Saraiva, Cultura e FNAC se espalharam pelo Brasil. Praticamente todas as capitais e grandes cidades do país ganharam suas megalivrarias, algumas delas luxuosas. Talvez até desmentindo a crença de que a população brasileira não se interessa por livros, elas se tornaram locais de visitação e pontos mais frequentados de shopping centers.

Pode-se dizer que tal crescimento foi uma decisão equivocada de seus executivos e acionistas. Mais ainda: várias vozes críticas denunciaram as práticas predatórias que acompanharam tal expansão e a concorrência por vezes brutal com as pequenas livrarias, muitas das quais foram obrigadas a fechar as portas. Usando sua força de venda, essas redes puderam também impor suas condições aos fornecedores e, como consequência natural em um ambiente de concentração, passaram a condensar seus negócios com cada vez menos editoras.

Com o poder adquirido, impuseram descontos e prazos de pagamento que podiam ser absorvidos apenas por pouquíssimas editoras. Tornou-se comum práticas como a de cobrarem pelo espaço na vitrine ou nos folhetos de propaganda, em um jogo no qual a maioria das editoras não tinha como competir. O resultado deste processo: concentração de lado a lado e perda substancial da bibliodiversidade.

O problema agora é que o desaparecimento dessas grandes redes não provocará o ressurgimento imediato das tantas pequenas livrarias que desapareceram por causa delas, ainda mais em meio à crise atual. A PL 2148, que espera a aprovação do Senado, traz medidas para apoiar as pequenas e médias livrarias em meio à crise decorrente da pandemia — medidas de emergência para impedir que o mercado livreiro brasileiro desapareça. Ela tem o apoio daqueles que acreditam que o livro e a cultura são algumas das ferramentas essenciais para a recuperação nacional. Mas a PL 2148 não tem o objetivo de ajudar a criação de novas livrarias, muito menos de dar dinheiro para cobrir as dívidas de gigantes como Saraiva e Cultura.

Leia a matéria completa clicando aqui.


Cadastre-se para receber dicas, artigos e informações de concursos

 

 

Comentários:

Envie seu comentário

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação:
Repita os caracteres "193809" no campo.