Horizontes
 



Minicontos

Horizontes

Nunes de Oliveira


Depois de um tempo, os olhos de Paulino e Rute ainda se encontravam. Mais um tempo, os dela, exploradores que eram, passavam por cima dos ombros dele. Ficaram verdes, azuis, negros, castanhos, deixando os do parceiro perdidos num horizonte frio.


Cadastre-se no portal Escrita Criativa para receber dicas de escrita, artigos e informações de concursos

 

 

Comentários:

Envie seu comentário

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação:
Repita os caracteres "040811" no campo.