Pesquisa aponta ‘crescimento maciço’ do consumo de e-books e audiolivros
 



Notícias sobre Leitura e Escrita

Pesquisa aponta ‘crescimento maciço’ do consumo de e-books e audiolivros

PublishNews


Em novembro de 2020, o consultor austríaco Rüdiger Wischenbart e a Bookwire tornaram públicos os resultados do Digital Consumer Book Barometer, estudo que mediu o impacto da pandemia no comportamento do leitor digital brasileiro. À época, Rüdiger concluiu: "Vimos que no Brasil a crise serviu de catalisador na aceleração de uma tendência já existente em direção à transformação digital. O mercado editorial digital no Brasil foi impactado de forma relevante pela pandemia da Covid-19”.

Agora, Rüdiger ampliou e atualizou o estudo a pedido da Bookwire. A primeira parte (serão duas) acaba de ser divulgada e é dedicada a analisar os países de língua alemã, Itália, Canadá, México e Espanha, além do Brasil. Com o estudo, Rüdiger e a Bookwire querem mostrar como as estratégias de preços e a expansão de modelos de negócios impactaram o crescimento do consumo de conteúdos editoriais no formato digital.

A primeira conclusão apontada pelo consultor é que o fechamento das livrarias no início da pandemia e massificação do home office resultaram em um “crescimento maciço” do consumo digital de todos os tipos de livros e em todos os territórios analisados. A segunda conclusão é que as políticas de precificação adaptada impactaram na criação de novos grupos de consumidores tanto de e-books quanto de audiolivros. O estudo conclui ainda que houve aumento significativo do consumo de conteúdos digitais mediadas por plataformas de assinatura e de bibliotecas digitais.


Para mais informações, clique aqui.


Cadastre-se no portal Escrita Criativa para receber dicas de escrita, artigos e informações de concursos

 

 

Comentários:

Envie seu comentário

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação:
Repita os caracteres "013402" no campo.