Diálogos

A consulta

Christianne Santa Helena Cardozo Alves


Chegou na clínica logo cedo, havia combinado com a doutora por telefone. Não tinha dormido nada na noite anterior. Entrou com a pequena no colo:

- A doutora já chegou? - perguntou ofegante para a recepcionista.

- Acabou de chegar. Ela já vai começar a atender. – Sentou para esperar.

- Você vai melhorar - disse olhando para o corpinho fraco em seu colo.

- Vamos passar? - convidou a doutora com voz carinhosa.

Ao entrar no consultório, pensou em muitas coisas ao mesmo tempo. Notícias boas e ruins que já haviam passado naquele consultório. Sempre ouviu dizer que nestes momentos sempre passa um filme da vida em segundos.

- Sabes que ela não está bem, não é? São duas semanas fazendo soro e medicação diariamente, mas não está melhorando.

- A senhora acha que não tem mais nada o que podemos fazer? - perguntou com voz de choro.

- Creio que não. Se posso te dar um conselho, se fosse comigo, eu terminaria com o sofrimento dela. Já tive que fazer isso com uma das minhas e sei que não é fácil.

O filme começou. Lembrou de todos os momentos de alegria que haviam passado naqueles dezesseis anos juntas. Praia, bagunça, passeios, banhos e mais bagunça. Olhou nos olhos da pequena, corpo inerte em seu colo, e pediu:

- Me dá um sinal de que estou fazendo a coisa certa.

Neste momento, os olhinhos que já estavam praticamente parados, encontraram os seus e piscaram. Então, sem coragem para falar, apenas acenou para a doutora com a cabeça e pediu:

- Quero ficar com ela.

- Claro. Pode colocá-la na maca. Ela não vai sentir dor. Será rápido.

Neste momento, já aos prantos, acariciou aqueles pelos macios depois de ter tomado a decisão mais difícil de sua vida.

***

Christianne Santa Helena Cardozo Alves , nascida em Porto Alegre, é tecnóloga em radiologia e advogada.

 

 

 

Comentários:

Gostei. Seu diálogo expressa de forma carinhosa o

sentimento de quem tem um animalzinho de

estimação e sente que chegou o seu fim. Parabéns,

Cristiane!

Maria Theresinha Gonçalves Mattos, Florianópolis/SC 17/07/2019 - 13:01

Muito bom!

Richard, Porto alegre/RS 14/11/2018 - 16:04

Conseguiste colocar em palavras todo o carinho e apego que temos com nossos animaizinhos de estimaçao
É facil de se imaginar esse sentimento ao ler o texto, mas se faz parte dele quando ja se esteve em situaçao igual, Parabéns.

Melo, POA/RS 14/11/2018 - 12:58

Parabéns Christianne, tranformaste em palavras os sentimentos que temos pelos nossos pets.
Continue assim...

Carlos Fernado, Porto Alegre 13/11/2018 - 23:30

Envie seu comentário

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação:
Repita os caracteres "471212" no campo.