Poesias

Amor à vida

Vitória Leiria


Abra os braços,
Me acolha com carinho,
Me diga que está tudo bem,
Me diga que estás aqui,
Deixa eu sentir os raios de sol,
Perceber que a vida é infinita,
Dizer: amo, amo a vida,
Deixe que a vida entre em você,
Reaqueça e equilibre seu interior,
Para que possas transmitir e compartilhar,
O que de belo e profundo percebes,
Deixe que a vida crie e acalente bons sentimentos,
Feche a porta para as tempestades,
Pise com cuidado o solo que sustenta teus pilares,
E lembre-se que o mundo que habitas e te dá sustento,
Será o teu berço no futuro.

 

 

 

Comentários:

Envie seu comentário

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação:
Repita os caracteres "372712" no campo.